fbpx

7 principais tendências de TI para 2022

tendencias de ti

TI

14 de dezembro de 2021

Grande parte do avanço na digitalização dos negócios e das interações da própria sociedade são parte da impressionante velocidade em que as soluções tecnológicas têm sido desenvolvidas. De fato, a pandemia agiu como cenário de progresso nesse sentido e as tendências de TI que ainda pensávamos em utilizar em alguns anos passaram a compor o dia a dia de muitas pessoas e empresas.

tendencias de ti 2022

Empreendimentos de todos os portes e setores, principalmente aqueles que não contavam com opções de canais virtuais, precisaram reinventar seus modelos com o auxílio da tecnologia. Em pesquisa realizada anualmente pelo Gartner, empresa de consultoria que analisa as tendências de TI, foi identificado que algumas soluções e áreas da tecnologia em específico terão abordagem e crescimento mais significativos no ano de 2022.

Essas questões se dão pelas fortes mudanças que o mundo enfrentou nos dois últimos anos. As condições para o trabalho remoto, o uso de IA (Inteligência Artificial) e a preocupação com a segurança de dados são apenas algumas das movimentações que aconteceram em 2021 e aumentarão fortemente no próximo ano.

A seguir, confira as 7 principais tendências de TI para 2022 e entenda como elas poderão gerar resultados de impacto para o seu negócio no novo ano.

1. Serviços e soluções remotas

Não podemos deixar de enfatizar as grandes mudanças ocorridas nos modelos de trabalho devido à pandemia do coronavírus. O home office se tornou a opção mais segura e as empresas precisavam oferecer a infraestrutura necessária para atender clientes e colaboradores. Essa já era uma tendência praticada nos formatos de negócio mais digitais, como os de agências e startups. No entanto, tornou- se uma decisão essencial para garantir o cuidado com as pessoas e a continuidade das operações da organização.

Em todos os lugares do mundo, ainda estamos em processo de recuperação. As coisas ainda podem demorar para voltar à normalidade e, por essa razão, a tendência é que em 2022 as empresas continuem melhorando as condições de suporte do trabalho à distância, oferecendo ferramentas, softwares, aplicativos e aparelhos que auxiliem na produtividade e entrega das atividades.

Mesmo com propostas de trabalho híbrido, é imprescindível que a digitalização do negócio se torne um pilar empresarial, não apenas para a integração das equipes, mas também para manter a conexão com os públicos e clientes do empreendimento — independentemente da localização geográfica.

2. Ampliação do uso da nuvem

Os servidores na nuvem, também chamados de cloud, se tornaram fundamentais na composição da infraestrutura de TI, principalmente nas atuais condições de trabalho remoto. A computação na nuvem — que você também pode encontrar como cloud computing — comporta o armazenamento de dados, sistemas e ferramentas, permitindo que as pessoas autorizadas acessem esses recursos e informações de qualquer lugar.

Além disso, as estratégias e serviços, como ERPs, têm sido pensadas para funcionar integralmente utilizando as aplicações de cloud. Ainda que seu uso tenha se tornado cada vez mais comum, principalmente no contexto corporativo, existem muitas melhorias em discussão e, em 2022, o aumento e a evolução do uso do armazenamento na nuvem continua a todo vapor.

3. Aumento do uso de IA

O conceito de inteligência artificial (IA) ainda parece algo distante, não é? Mas saiba que ela nunca esteve tão presente em tantos estudos e aplicações como nos últimos anos. Empresas de todos os segmentos estão planejando alocar investimentos em IA. Por isso, será natural acompanhar a ampliação do uso da inteligência artificial pelas organizações, principalmente em razão da quantidade de informações tratadas no dia a dia que podem apoiar as decisões estratégicas do negócio.

Essa tendência pretende acelerar os esforços para tornar processos cada vez mais automatizados, tornando a rotina das pessoas mais produtiva, trazendo escala e qualidade para o trabalho das empresas. Soluções como Machine e Deep Learning, Geolocalização e outras são apenas algumas das ferramentas capazes de trabalhar soluções de IA de impacto para o negócio.

4. Sistemas cada vez mais autônomos

Segundo análises realizadas pelo Gartner, “os sistemas autônomos já podem modificar seus próprios algoritmos sem atualizações de software externas e isso permite que as empresas se adaptem rapidamente às novas condições no campo”. Essa conclusão traz a realidade dos sistemas que são capazes de se autogerenciar, ajustando suas condições para os cenários aos quais são condicionados.

Atualmente, essas são aplicações presentes em tecnologias de níveis mais avançados, como em infraestruturas de segurança complexas. Porém, essa é uma tendência de TI para 2022 que ganhará cada vez mais espaço para discussões.

5. Cuidados com a privacidade e segurança de dados

Em 2021, com a atualização da Lei Geral de Proteção de Dados (13.709/2018), também conhecida como LGPD, os movimentos do setor de TI nas empresas para garantir o comprimento das normas definidas foram fundamentais.

As diretrizes definem regras específicas sobre o armazenamento e coleta de dados pessoais. Em complemento, a Exame divulgou que, no segundo semestre de 2021, pouco mais de 37% das empresas estavam totalmente adaptadas à lei. Apesar dos avanços nessa adequação, ainda existem muitas companhias pendentes nessa regularização, afinal, existe um trabalho robusto sob o controle, organização e mapeamento de todas as informações que a empresa possui ou irá coletar dali em diante.

Dessa forma, é totalmente tendencioso que esses avanços sobre a segurança de dados continuem acontecendo em 2022 e que, cada vez mais, as tecnologias estejam adaptadas ao processamento e compartilhamento seguro.

6. Chatbots mais inteligentes

A qualidade do atendimento ao cliente se tornou um grande foco de investimento nos últimos anos. Com a consolidação dos canais de vendas online e o uso das redes digitais para exposição dos serviços, as empresas passaram a priorizar ainda mais a melhoria de todos os momentos de experiência do cliente.

Em 2022, essa prática tende a se intensificar ainda mais. A implementação dos chatbots é um grande exemplo disso. Eles executam o papel de interação que dá suporte aos processos, dúvidas e problemas das pessoas com as quais interage. No entanto, essa é uma tecnologia que ainda não supri as necessidades dos usuários da melhor maneira.

Para isso, a TI trabalha em soluções integradas ao uso de inteligência artificial (IA) a fim de gerar respostas mais eficientes, ajustar a linguagem, tom de voz e demais recursos que serão essenciais para um atendimento mais personalizado e natural.

7. Hiperautomação

No próximo ano, questões de escalabilidade e automação continuarão sendo foco de muitos setores da economia. Essa aplicação traz maior eficiência operacional, redução de custos e mitigação de falhas nos processos. Além disso, esse é um racional que tem como principal objetivo o aumento no volume de produção — seja de bens ou serviços — sem perder a qualidade na entrega.

O conceito de hiperautomação é uma das grandes tendências de TI para 2022. Ele também foi impulsionado pelo contexto da pandemia, mas já faz parte da estratégia de aumento do controle de processos e da tomada de decisões de muitas organizações há algum tempo. Afinal, como foi destacado pelo Gartner, os reflexos esperados no desenvolvimento e uso dos recursos de automação são: agilidade na tomada de decisões, melhoria da qualidade de trabalho e aceleração dos processos de negócios.

Além dessas, diversas discussões ainda se tornarão tendência no novo ano. O setor de TI é um dos mais aquecidos na economia e, saber em quais recursos e tecnologias a sua empresa precisa investir pode ser uma escolha estratégica para o futuro do negócio. Por isso, fique conectado as notícias e novidades da área, busque por empresas especialistas nestas soluções e impulsione o ritmo de crescimento da sua companhia.

Publicações relacionadas