fbpx

Como funciona a gestão logística de ativos de TI

gestão logística de ti

13 de maio de 2022

As tecnologias tornaram as empresas de diversos setores mais competitivas e eficazes. Com o desenvolvimento de novos aparatos, recursos e soluções digitais, a área de TI também precisou se apropriar de métodos de organização e controle. A gestão de recursos é um método de administração fundamental para que qualquer serviço ou insumo seja bem aproveitado, inclusive os ativos de TI.

É a partir dessa perspectiva que destacamos a importância da gestão logística de ativos de T. Esse tipo de serviço é responsável pela mobilização e controle dos itens do setor, mas também auxilia na otimização do tempo e processos acerca do que a organização mais precisa em relação aos insumos tecnológicos.

Empresas de todos os portes carecem de uma gestão estratégica de TI para alcançar seu potencial máximo a partir dos recursos digitais que utilizam. Essa mesma função, integrada aos serviços de logística, passou a representar o controle e a movimentação ativos a partir do que a organização mais necessita, impactando diretamente no aumento da produtividade e na redução de custos.

Nessa lógica, entender como funciona a gestão logística de ativos de TI pode ser um grande diferencial para os empreendimentos que desejam eficiência, rapidez e qualidade. Neste artigo, confira mais informações sobre esse serviço integrado.

O que são ativos de TI?

Os ativos de TI são todos os bens de uso do setor de tecnologia. Eles não necessariamente precisam ser itens físicos, como máquinas, dispositivos ou equipamentos, mas também podem ser softwares, sistemas, programas e demais recursos intangíveis — mas que também são de grande valor para a área e demais departamentos da empresa.

A gestão dos ativos de TI mantém esse conjunto de recursos organizado. Desse modo, é possível acompanhar as movimentações e o estado de cada item, mantendo o controle inteligente e econômico dos recursos. Quando tratamos da gestão de estoque em TI, essa prática pode ajudar na identificação rápida de suprimentos ou na indicação de equipamentos que precisam de manutenção, por exemplo. Geralmente, esse trabalho inclui a realização de inventários dentro dos procedimentos de gestão para garantir que a entrada e saída de todos os itens estejam mapeadas.

Qual a relação entre logística e gestão dos ativos de TI?

De modo genérico, a logística está relacionada a distribuição e locomoção de algo. Nesse sentido, a logística aplicada ao dia a dia da gestão dos ativos de TI diz respeito a movimentação dos aparatos tecnológicos, ou seja, é o momento em que temos dois serviços essenciais totalmente integrados.

A demanda pela movimentação de suprimentos da área de TI teve grande crescimento nos últimos anos, principalmente durante a pandemia da Covid-19. Uma empresa que precisa garantir que todos os seus colaboradores em home office tenham seus equipamentos a disposição ou uma rede do varejo que requer a manutenção de peças para máquinas de diversas unidades de sua loja, por exemplo, precisam estar preparadas para deslocar profissionais especializados e os recursos necessários para os lugares solicitados.

gestão logística de ativos de ti

Nesse cenário, a logística e gestão dos ativos de TI se tornam complementares e estratégicos, pois tornarão o processo de mobilização de peças ainda mais rápido, em um fluxo único, sem deixar de cuidar dos registros de inventário ou qualquer etapa do controle e transporte dos ativos.

No entanto, é muito comum que as empresas não disponham de setores ou profissionais que realizem da logística de peças em TI — a gestão de ativos internos é algo mais recorrente. Em casos como esse, as companhias recorrem aos serviços terceirizados, em que geralmente é preciso contar com dois ou mais fornecedores para todos o processo.

A solução FindUP na gestão logística de TI

Na FindUP,  a gestão logística de TI é feita de ponta a ponta. Todas as etapas do processo são inclusas em um único serviço, da gestão do transporte à instalação e manutenção de peças e equipamentos.

No portfólio, essa entrega está bastante vinculada ao Field Service, serviço de campo em que um técnico de TI especializado é deslocado até o local solicitado em qualquer região do Brasil, graças a alta capilaridade da rede de profissionais parceiros espalhados pelo país.

Ao contar com uma solução que integra gestão de logística dos ativos de TI com o serviço de campo, sem intermediários, sua empresa garante agilidade e rapidez no transporte de peças, redução de custos ao recorrer a um parceiro único para todo o processo e total segurança dos ativos sob responsabilidade de um parceiro logístico capacitado. Ainda, a FindUP assume o apoio operacional e o gerenciamento, do início ao fim, recebendo a demanda, acionando o técnico de TI e acompanhando todas as etapas do trabalho até que tudo esteja concluído.

Nos processos logísticos dessa solução, o cliente ainda dispõe dos procedimentos de logística reversa, em que a empresa terceira recolhe um equipamento que precisa de manutenção ou retira a máquina de um colaborador desligado, por exemplo. O gerenciamento de estoque também é feito para os técnicos cheguem no local de atendimento com o equipamento necessário para cumprir o escopo do chamado.

Além dessas, diversas outras integrações de serviços podem ser realizadas de acordo com a necessidade de cada negócio, basta entender o que precisa ser remanejado para o seu empreendimento e acionar um especialista FindUP.

Atualmente, a gestão e alocação dos ativos de TI se tornou função essencial na geração de impactos e bons resultados para uma empresa. Com a compra, armazenamento, uso, troca e logística correta dos itens de tecnologia da informação também são atividades que, quando bem executadas, podem tornar os processos de uma organização mais ágeis, econômicos e eficientes.

Publicações relacionadas